MINISTÉRIO DA SAÚDE SUSPENDE RECURSOS DE GRANJA


Você acha que a situação de Granja está ruim? pois veja isso:
O Camocim Online teve acesso a uma portaria do Ministério da Saúde, de 09 de maio de 2012, com direito à assinatura do Ministro Alexandre Padilha, onde consta a suspensão da transferência de incentivo financeiro referente às equipes de Saúde da Família, a partir da competência financeira de abril de 2012, do município de Granja, em virtude de irregularidades detectadas através de supervisão técnica realizada pela Secretaria de Estado da Saúde Pública do Ceará, especialmente no que  tange ao descumprimento da jornada de trabalho de 40 horas semanais pelos profissionais das equipes de Saúde da Família, conforme o preconizado pela Política Nacional de Atenção Básica. Em resumo: está faltando médicos nas unidades de saúde de Granja. 
A medida atinge 4 equipes de Saúde da Família. A decisão do Ministério vai durar até que o município, através da Prefeitura, resolva as irregularidades. Segundo informações obtidas através de uma fonte do blog, o município de Granja poderia receber até 22 PSF’s. Acontece que lá só existem 11, e dos 11, apenas 4 contam com médicos. E dos 4, nenhum cumpre os 5 dias de trabalho. Segundo a fonte do blog, devido, entre outras coisas, ao baixo salário oferecido. Além disso, os enfermeiros, que na prática são os que “seguram” os postos "sem médicos", estão com salários congelados há 10 anos. 

Fonte: Camocim Online

Comentários

Postagens mais visitadas